Portal de Notícias Água Preta News

Notícias Geral

Comandante da CIPE Mata Atlântica, antiga CAEMA, é promovido a tenente-coronel

Natural de Salvador, aos 54 anos, o tenente-coronel ingressou na Polícia Militar da Bahia no dia 20 de abril de 1989

Comandante da CIPE Mata Atlântica, antiga CAEMA, é promovido a tenente-coronel
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

O comandante da Companhia Independente de Policiamento Especializado Mata Atlântica (CIPM/MA), Anilton Silva de Almeida, foi promovido ao posto de tenente-coronel. O ato foi publicado no último dia 30 de junho, no Diário Oficial do Estado. Entre outras dezenas de condecorações, ele recebeu recentemente a Medalha Valor de Tropa, honraria que condecora policiais militares pelos bons serviços prestados à sociedade na atividade operacional.

Natural de Salvador, aos 54 anos, o tenente-coronel ingressou na Polícia Militar da Bahia no dia 20 de abril de 1989. Quatro anos depois, em 1993, já na condição de aspirante a oficial, veio para o então 13º Batalhão da Polícia Militar de Teixeira de Freitas (BPM), que atualmente é o 13º Batalhão de Ensino, Instrução e Capacitação (BEIC). De lá foi para Porto Seguro e retornou no dia 13 de março de 1995 para comandar a 6ª Companhia do 13º Batalhão, que era instalada em Itabatã, distrito do município de Mucuri. Esta companhia mais tarde se transformou na 5ª Companhia e lá o então tenente Anilton permaneceu por cerca de 8 anos e meio.

No dia 20 de setembro de 2003 a PM pagou ao oficial uma nova missão, comandar a 4ª Companhia de Alcobaça, que na ocasião também pertencia ao 13ª Batalhão. Depois, em 8 de janeiro de 2005 voltou para Itabatã para comandar a 5ª Companhia, em 23 de março de 2014 retorno para Teixeira de Freitas na condição de subcomandante do 13º Batalhão, em 15 de julho de 2016 retorna a Porto Seguro, na condição de comandante da Companhia Independente de Polícia de Proteção Ambiental.

No final de 2016, foi nomeado comandante da recém-criada 89ª Companhia Independente de Polícia Militar, que possui base territorial nos municípios de Mucuri e Nova Viçosa, com sede na cidade de Mucuri. Na 89ª CIPM permaneceu por pouco mais de 3 anos, completando um ciclo de 12 anos naquela região, considerando a atuação dele desde a época em que Itabatã era área de atuação da 6ª Companha do 13º Batalhão de Teixeira de Freitas.

No dia 22 de março de 2020, o tenente-coronel, que ocupava o posto de major, foi comandar a CIPM/MA, conhecida na região pela antiga sigla de CAEMA, onde está até os dias de hoje.

O tenente-coronel Anílton tem um currículo invejável. No Ensino Médio se formou em Análises Clínicas, no Colégio Estadual Duque de Caxias, no Bairro Liberdade, em Salvador. É bacharel em Segurança Pública pela Academia de Polícia Militar da Bahia, com especialização pela mesma academia. Tem curso de Uso Diferenciado da Força e, no então 13º BPM foi instrutor de Rádio Patrulhamento, Policiamento Ostensivo Geral, Relações Interpessoais, Gerenciamento de Crise e Polícia Comunitária.

O oficial superior tem uma boa desenvoltura no inglês e no espanhol, especialidade que buscou em razão do grande número de turistas que vêm para a região litorânea da Costa das Baleias.

Casado com Nilma Costa dos Santos Almeida ele se orgulha de exercer o sacerdócio na Igreja de Deus Reavivamento Pentecostal (IDERP), onde é pastor desde 2018. Recentemente venceu a Covid-19, depois de cinco dias internado no Hospital Paineiras, em Itabatã, distrito de Mucuri.

“Fruto de orações e da graça de Deus”, diz ele, lembrando Salmos 126:3: "Grandes coisas fez o Senhor por nós, e por isso estamos alegres".

FONTE/CRÉDITOS: Por Edelvânio Pinheiro
Comentários:

Veja também

Responderemos assim que possível